Rogério Romero, a lenda da natação de Londrina

Rogério Romero, a lenda da natação de Londrina

Toda vez que eu passo na Avenida Maringá, em frente a Natação Romero, me lembro da lenda da natação londrinense Rogério Romero. O mais talentoso nadador que esta terra vermelha já produziu.

E quando falo lenda, é lenda mesmo. O cara foi o único nadador brasileiro finalista olímpico em quatro edições dos Jogos Olímpicos.

Rogério e parentes japoneses durante uma competição no Japão

Pois é. Milhões de pessoas praticam a natação no mundo inteiro. É um dos esportes mais praticados em todos os países. Poucos conseguem ganhar campeonatos regionais, um número menor ainda campeonatos nacionais… Agora, ir pra quatro finais olímpicas, só mesmo para as lendas.

Seul, 1988, final A dos 200 metros costas; Barcelona, 1992, final dos 200 metros costas; Atlanta 1996, final B dos 200 metros costas; Sydney 2000, final A dos 200 metros costas.

Quer mais? Foi o primeiro nadador do mundo a participar de 5 olimpiadas. 1988, 1992, 1996, 2000 e 2004.

Também mandou bem nos jogos Panamericanos. Foi ouro em Havana, em 1991; ouro em Santo Domingo, em 2003; e prata em Mar Del Plata, em 1995.

Mas, apesar do apetite por competições, quando molequinho ainda, não era dos mais animados para treinar.

Rogério, no inverno, na piscina gelada da antiga ACEL

A irmã, Karen Romero, que comanda a escola Natação Romero diz que, quando estava frio, ele barganhava para treinar. A foto abaixo mostra bem como era. Na época, não havia piscinas aquecidas na cidade.

Histórias não faltam. Em uma competição nos Estados Unidos, ainda bem jovem, um amigo de competição comprou uma lembrança, uma boca de Tubarão, e colocou em cima da cama dele. O susto foi tão grande que ele se jogou da cama e cortou a perna. Foram 12 pontos.

“Quando ele venceu o primeiro Panamericano não estava enxergando direito e não percebeu que tinha vencido a prova”, relembra a irmã bem humorada.

Radicado há muitos anos em Belo Horizonte, Minas Gerais, foi sub-secretário estadual de esportes e hoje é o gerente de esportes do Minas Tênis Clube.

Abaixo uma reportagem da amiga Fabiola Vicençoni, para a RPC.

Escrito Por

Leia Também

Tênis: Bia Haddad conquista o WTA de Birmingham

A brasileira Bia Haddad conquistou, na manhã deste domingo (19), o WTA 250 de Birmingham...

Entrevista exclusiva com Felipe Lessa, autor de Destemidos de Azul e Branco, a história do Tubarão a partir de personagens

Veja a entrevista que o VEC, no quadro Paçoca Esportiva fez com o autor Felipe...

Corinthians arrasador contra o Santos

Por Rodolpho Pinduca Na noite de quarta-feira o Corinthians enfrentou o Santos pela primeira partida...

Deixe um comentário

{{ reviewsTotal }} Review
{{ reviewsTotal }} Reviews
{{ options.labels.newReviewButton }}
{{ userData.canReview.message }}

VEC TV

Destemidos de Azul e Branco, a história de quem faz a história do Londrina Esporte Clube
Destemidos de Azul e Branco, a história de quem faz a história do Londrina Esporte Clube
39:46