"O tempo passa, 45 minutos etapa final! Crepúsculo de jogo!"

WhatsApp Image 2022-05-13 at 15.03.17

Roger Federer, em setembro, na derradeira faísca de sua brilhante carreira, aos 41 anos, jogará a Laver Cup. Pelo seu sarrafo elevado estará o maestro à altura das exigências impostas a uma lenda?

Roger várias vezes contradisse a premissa do grande mestre Bill Tilden:

“Há na carreira de todo jogador o ponto máximo, no qual ele atingiu o auge do seu progresso e de onde, após se manter por algum tempo, começa a descer”

Para os simples mortais é fácil perceber o limiar do declínio de uma carreira, por mais sólida que ela seja. Já para Roger Federer….

 Quando tinha 37 anos, idade em que a absoluta maioria dos tenistas profissionais já está aposentada, o suíço venceu 3 torneios do Grand Slam e se tornou o mais velho número 1 da história.

Terá chegado o tempo em que o fantasma da derrota poderá ser mais forte que a crença na vitória? Mesmo para Roger Federer? Infelizmente acredito que sim.

Ainda que acostumado a se reinventar e varrer grandes obstáculos com seu talento inigualável, a despeito de incertezas/descrenças e larga experiência pelo crivo de duras derrotas…

“O tempo não para no porto, não apita na curva, não espera ninguém”

Já a luz do sol, desde a aurora, acompanha o dia até o momento de ir embora ao final do crepúsculo. E assim foi construída e continua sendo contada, ao longo dos anos, a carreira daquele menino da Basiléia.

Os deuses do esporte, submissos ao maestro helvético, desaceleraram a passagem do tempo por um simples motivo:

Deixar que os apaixonados pelo tênis pudessem ver, por mais tempo, a bolinha submissa a trajetórias mágicas e angulações improváveis perpetuadas na memória.

“E a memória é contrária ao tempo. Enquanto o tempo leva a vida embora como o vento, a memória traz de volta o que realmente importa, eternizando momentos”

Compartilhe

Escrito Por

Leia Também

Maringá se reforça para a Série D

O zagueiro Luis Fernando, ex Monte Azul, chega ao Tricolor por empréstimo para a disputa...

Boxe: Brasil fatura 2 ouros e 3 pratas em 1º evento da Word Boxing

O boxe brasileiro subiu sete vezes ao pódio – em duas vezes com medalha de...

Lembre-se: o Londrina não é o Real Madrid e nem o Confiança é o Barcelona

A internet e as tvs por assinatura nos possibilitam a assistir jogos de futebol do...

Deixe seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEC TV

Londrina x Coritiba - Melhores momentos
Londrina x Coritiba - Melhores momentos
07:33