Maringá vibra. Emplaca dois times entre os oito melhores do Paranaense

899f97_066d741661a4476d8f75df809d2e3795_mv2

Por Nelson Júnior – TPD Esportes

Apenas Maringá e Curitiba conseguiram a façanha de colocar dois times entre os oito melhores do Estado em 2023. Isso valoriza ainda mais o trabalho das equipes maringaense que atingiram tal feito. E o que se vê nas ruas da Cidade Canção é cada vez mais envolvimento da população, engajada em torcer pelos times da cidade.

O Maringá Futebol Clube já vem com um trabalho sólido há alguns anos e a classificação entre os quatro melhores da competição coloca o Dogão de vez entre as maiores forças do Paraná, em um ano que ainda disputa Copa do Brasil e Série D do Brasileirão. A quarta colocação e os 21 pontos conquistados foi de forma contundente ao figurar sempre na parte da parte de cima da tabela. Agora em frente o Cianorte pelas quartas de final com a vantagem de decidir em casa a passagem para as semifinais. É comum para o MFC hoje ter média de público acima de 6 mil torcedores em seus jogos, boa parte dos torcedores uniformizados com a camisa do tricolor maringaense.

Já o Aruko Sports Brasil, debutante na principal divisão estadual, surpreendeu com a sétima colocação no geral no seu primeiro ano na elite do futebol paranaense. Mais do que uma posição na tabela, o Samurai mostrou um futebol contundente ao jogar de igual para igual com todas as equipes da competição, inclusive contra os grande da capital. Há de se salientar o excelente trabalho coletivo dessa equipe, que agora tem um desafio difícil pela frente. Enfrentam o segundo melhor colocado na tabela, o Operário de Ponta Grossa. Embora o Fantasma seja favorito pelo histórico recente, o caçula do futebol de Maringá pode surpreender, uma vez que cresce de produção na reta final e encarou com equilíbrio todos os adversários que teve pela frente. Quanto ao envolvimento dos torcedores, por ser ainda uma agremiação nova, ainda busca seu espaço, embora pode-se observar um aumento crescente de adeptos nos jogos e os investidores acreditam que, com o trabalho correto, cada vez mais haverá samurais na torcida.

Ainda tem a volta do tradicional Grêmio Maringá, que vai disputar a Serie B do Paranaense e tem uma legião de fãs em toda cidade e região. O que é mais interessante é que todos os clube entendem que o profissionalismo e a boa gestão são de suma importância para o bom andamento dos projetos. Tudo isso, aliado aos resultados favoráveis, só fazem crescer a retomada do futebol maringaense, que movimenta não só o mundo da bola como tudo que envolve a cidade, imprensa, comércio, lazer, entre outros segmentos que crescem com o esporte mais popular do mundo.

Compartilhe

Escrito Por

Leia Também

Boxe: Brasil fatura 2 ouros e 3 pratas em 1º evento da Word Boxing

O boxe brasileiro subiu sete vezes ao pódio – em duas vezes com medalha de...

Londrina Futsal estreia contra o Pato Branco em casa pela Liga Feminina 2024

Renan Oliveira/N.Com Iniciando sua trajetória na edição 2024 da Liga Feminina de Futsal (LFF), a...

Londrina estreia nesta segunda na Série C decidido a subir para a B

por Rodolpho Pinduca Agora é pensar na série C, mas aspirando subir para a B...

Deixe seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEC TV

Londrina x Coritiba - Melhores momentos
Londrina x Coritiba - Melhores momentos
07:33