Times S/A. Ferroviária é vendida a bilionário

1
84

do UOL

O empresário Saul Klein, herdeiro das Casas Bahia, não compareceu à reunião do conselho de acionistas da Ferroviária realizada ontem à noite às 19h. Não foi necessário: em um encontro que durou por cerca de três horas, a compra do clube de Araraquara (SP) foi acertada com um representante do investidor, o executivo Marcelo Teixeira, que já está envolvido nas operações da nova diretoria. A venda para Klein foi aprovada por unanimidade, pelos 12 acionistas presentes da Ferroviária S.A. Oficialmente, o clube-empresa foi adquirido pela “MS Sports”, que é simplesmente um braço esportivo para atender aos interesses de Klein.

O agente Giuliano Bertolucci também está envolvido na aquisição, ficando a partir de agora responsável pela gestão das categorias de base, enquanto Klein se concentrará no time profissional.

Depois da fundação da Ferrinha em 12 de abril de 1950, a expectativa na cidade interiorana é de que essa também seja das datas mais importantes do clube. “Não houve ninguém contra. Estou muito emocionado. Eu frequentava as arquibancadas com meu pai desde criança e estou orgulhoso disso tudo. Muitos clubes até da Série A estão com uma pontinha de inveja do que está acontecendo, com um investidor do porte deste que está chegando na Ferroviária”, afirmou o atual presidente da agremiação, Carlos Alberto Salmazo, ao UOL.

Em tom de despedida, Salmazo escreveu na terça-feira (18) uma carta aos torcedores. Apesar de não admitir de maneira oficial, o presidente vai deixar o clube no final do ano para que um nome de confiança de Saul Klein assuma o comando. (leia mais)

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta