Tencati deixa o Londrina e entra para a história do Tubarão

1
937
Tencati: novos desafios pela frente
(Foto: Gustavo Oliveira/ LEC)

O texto poderia começar assim:

Nunca antes na história do Londrina Esporte Clube…

E seria justo.

Nunca antes na história do Londrina Esporte Clube um técnico de futebol comandou o time por tanto tempo ininterruptamente, com tantos bons resultados. Mas acabou.

Cláudio Tencati está deixando o Londrina. Foram seis anos e sete meses defendendo as cores do alviceleste. O anúncio oficial deverá acontecer amanhã. Mas Tencati ainda comandará o Tubarão no sábado contra o Vila Nova, em Goiânia.

O técnico é um caso impar no Brasil. Começou a carreira no Cianorte ainda como preparador físico. Acabou assumindo o cargo de auxiliar técnico e depois técnico da base. Foi também técnico das categorias de base do Paranavaí, Irati e Londrina. Em alguns comandara também o time profissional em alguns momentos. Mas foi no Londrina que a coisa começou mesmo no profissional.

O desafio era grande. Depois de anos de campanhas desastrosas, o Londrina estava na segunda divisão do campeonato Paranaense. Foi quando o time de futebol passou a ser gerido pelo empresário Sérgio Malucelli, que montou um baita centro de treinamentos em Londrina.

Apanhou muito no começo pela inexperiência em trabalhar em time que tem uma torcida se não gigante, mas aguerrida que cobra todo dia, com uma imprensa importante e que provoca um barulho danado, muitas vezes cobrando injustamente, em outras dando um monte de palpites, mas também apaixonada pelo time. E ainda foi mestre na convivência com o gestor Sérgio Malucelli, um empresário que não é exatamente um exemplo de simpatia e bom humor. E, apesar de tudo isso, deu certo.

O Londrina subiu para a primeira divisão do Paranaense, foi campeão estadual, foi campeão do interior, subiu para a série D, depois para a C e está na Série B fazendo boas e consistentes campanhas. Nos últimos dois anos bateu na trave no momento de subir para a Série A, a elite do futebol Brasileiro.

Estudioso do futebol, Tencati conseguiu fazer tudo isso com equipes de jogadores quase desconhecidos. Alguns cresceram muito e hoje frequentam grandes times do País e até do exterior.

Outra característica marcante é que Tencati assume a bronca. Assume quando erra, quando não fez direito e não expõe problemas internos com jogadores, criando um ambiente de segurança para os atletas. Também gosta de falar do trabalho em equipe. Divide as vitõrias com todos, em especial o auxiliar técnico Aléssio, ex-jogador do próprio Londrina e ex-técnico das categorias de base do clube.

Mas tudo tem o momento de terminar.

Tencati decidiu mudar de ares. Há poucos dias disse que avaliava se o seu ciclo no Londrina não havia terminado. Já dava sinais de que queria sair.

Os novos desafios farão bem para o seu currículo. E vai deixar saudades pelo seu trabalho e correção. Na história do Londrina ele já escreveu seu nome.

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here