Portuguesa cria Núcleo de Negócios para conquistar patrocínios

0
29

do MKT Esportivo

Em busca de novos patrocínios e com o desafio de atuar em divisões menores do futebol brasileiro, a Portuguesa de Desportos lançou um Núcleo de Negócios, onde o clube atua como intermediário de seus patrocinadores com o comércio da comunidade.

O trabalho começou em 2015 quando a Lusa conseguiu estampar nomes de padarias, restaurantes, hotéis, motéis e supermercados na camisa. Cada jogador atuava com um comércio diferente, somando mais de 30 parceiros desses seguimentos. O próximo passo foi trazer marcas que tinham o desejo de negociar com esse comércio, mas não encontrava oportunidade.

Foi assim que empresas como a Jundiá Sorvetes, Barry-Callebaut e Admix estaparam suas marcas na camisa da Portuguesa e então encontraram a porta de entrada para negociar diretamente com os principais nomes do comércio de São Paulo, além de seus respectivos sindicatos.

A Rede Graal é a patrocinadora máster da camisa rubro-verde e também peça importante dentro do Núcleo de Negócios, por essa razão que o clube atraiu, no ano de seu centenário, uma gigante empresa de cervejas para ser patrocinadora, a Estrella Galícia.

A cervejaria espanhola, que deixou o Corinthians no final de 2020, vai seguir com seu nome estampado na camisa da Portuguesa e pretende expandir a parceria com mais ações específicas de marketing. O motivo é o retorno obtido pela cervejaria dentro desse Núcleo de Negócios.

“Não temos a mesma visibilidades de outros grandes clubes como Corinthians, Flamengo, Palmeiras, mas ao mesmo tempo não temos a rejeição que cada um deles tem. Além de sermos uma marca querida por todo o Brasil, temos uma relação muito próxima com a comunidade luso-brasileira e com o comércio gerido por eles. Com credibilidade e bons parceiros, fazer essa aproximação é nosso diferencial”, explica Antonio Carlos Castanheira, Presidente da Lusa.

Deixe uma resposta