O que se pode esperar a mais do ‘TUBARÃO DO ALEMÃO”?

0
72

Por Muriloviski Zambeta


Técnico Alemão, do Londrina. Foto: Gustavo Oliveira/LEC)

Sobre a belíssima campanha do TUBA nesta série B do brasileirão há, quase, uma unanimidade (não digo que existe a tal unanimidade pois, como dizia, Nelson Rodrigues, toda unanimidade é burra e, definitivamente, não é o nosso caso): Alemão construiu, e mantém, uma ótima estrutura tática, tem um elenco aplicado e determinado, deu a equipe um padrão de jogo regular, possui uma ótima leitura de jogo e conseguiu tornar este elenco em um time respeitável.

Resumindo tudo o que se fala do “Tubarão do Alemão” está claro que o lugar cativo no G4 não é obra do acaso, mas sim, fruto de trabalho, aplicação e talento de comandante e comandados.

Quanto aos comandados a imprensa esportiva, desde o campeonato paranaense, alardeava que nossos jogadores não estariam “à altura” do nível da série B, tendo como base o fato de que o nível técnico do paranaense era baixo. Ledo engano.

Não que eu discorde do nível do campeonato paranaense, mas fato é que o estadual serviu para amadurecer e dar um “up grade” no nível do nosso jovem time alviceleste.

Ainda não vi, até o momento, nenhum clube, com a exceção do Bragantino, que possua jogadores superiores aos nossos, nem mesmo (e muito menos) um time jogando com a regularidade que o escrete alviceleste vem exibindo ultimamente, e vejam: jogando desfalcado de seus principais jogadores (Dagoberto, Germano, Anderson Leite, Luquinha…)

Se prestarmos bem atenção, a equipe evoluiu desde a estreia contra o CRB, enfrentando situações, torcidas, gramados e times diversos, sempre superando as dificuldades e abrindo caminhos para alterar a forma de jogar e obter resultados. Mesmo na derrota contra o Sport foi o que se viu, tanto pela busca do empate, perdendo por 2 x 0 (e sem perder a cabeça, o que foi uma demonstração de maturidade precoce), como por ter jogado de forma diferente do que estávamos acostumados a ver.

Por tudo isso é que podemos, de fato, esperar o crescimento do time na competição. Alemão tem sido um grande líder fora de campo e os reflexos do lado de dentro estão aí para todos verem.

Certamente, virão reforços para a continuação do certame e, se a diretoria acertar, como acertou nos anos anteriores, com a maioria das contratações, certamente, seguiremos como um dos candidatos ao acesso.

Deixe uma resposta