Messi ou Cebolinha, quem será o herói de Brasil x Argentina?

1
62

E amanhã tem Brasil x Argentina, pela semifinal da Copa América 2019. A tradição mostra que um jogo desse não tem essa conversa de favorito, afinal, quando duas seleções tem tamanho peso de camisa, são 11 contra 11, a bola é redonda e o jogo só termina quando acaba. Fora isso, é tudo uma incógnita.

Por exemplo, Everton Cebolinha tem sido decisivo nos jogos do Brasil. Messi, o melhor do mundo nem tanto. Como será amanhã?

Hoje, durante a tradicional entrevista coletiva, o técnico Tite escondeu a escalação e não quis nem mesmo falar sobre a situação do lateral-esquerdo Filipe Luís, dúvida por questões físicas.

“É a minha percepção do momento”, disse ele mantendo o mistério. Se Filipe não puder, entra em campo Alex Sandro.

Sobre o principal jogador argentino, Lionel Messi, disse que é impossível anular um jogador como ele. “A gente falou não só da individualidade da Argentina. Cresceu em termos coletivos também. O coletivo potencializa a individualidade. Não se anula Messi. Não. Pode-se diminuir as ações dele. Mas não pode se neutralizar as ações dele. Assim como não neutraliza-se Coutinho. Firmino, David Neres. Eles vão, em algum momento, ser decisivos”, comentou Tite.

Ele também comentou, é claro, o retorno da Seleção ao palco do 7 a 1 sofrido diante da Alemanha na Copa do Mundo de 2014.

Tite minimizou o papo sobre “fantasma do Mineirão”, abordado mais de uma vez . Preferiu enaltecer o apoio que a Seleção tem recebido do torcedor mineiro em seus deslocamentos do hotel para os treinamentos. Para ele, o maior nessa Copa América.

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data/Horário: 2/7/2019, às 21h30
Árbitro: Roddy Zambrano (EQU)
Assistentes: Christian Lescano (EQU) e Byron Romero (EQU)
Árbitro de vídeo: Leodan González (URU)
Onde acompanhar: Globo, Sportv e em tempo real no site do LANCE!

BRASIL: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Filipe Luís (Alex Sandro); Casemiro e Arthur; Gabriel Jesus, Philippe Coutinho e Everton; Roberto Firmino. Técnico: Tite.
Pendurados: Arthur, Filipe Luís e Roberto Firmino.
Possível desfalque: Fernandinho (dores no joelho direito).

ARGENTINA: Armani, Foyth, Pezzella, Otamendi e Tagliafico; De Paul, Paredes e Acuña; Messi, Lautaro Martínez e Aguero (Di María). Técnico:Lionel Scaloni.
Pendurados: Acuña e Lautaro Martínez.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta