Copa do Catar começa dia 26/03/2022. Neymar vai ser protagosnista?

0
17
Paris Saint-Germain’s Brazilian forward Neymar – AFP PHOTO / CHRISTOPHE SIMON

Por Guilherme Lima

A Copa do Mundo do Catar será somente no fim de 2022, visto que será no inverno no hemisfério norte (se fosse no verão, em pleno deserto, seria um risco ainda maior) e, por isso, o papai noel de 2022 será regado a futebol. Será de 21 de novembro a 18 de dezembro e vai reunir 32 seleções. Isso, na fase final porque as Eliminatórias, que seria a fase inicial da Copa, já vai ter bola rolando já a partir de 26 de março.

O Brasil vai receber a Bolívia na rodada inicial e, dia 31 de março – com o mesmo grupo de convocados, vai jogar em Lima diante do Peru. A julgar por aquilo que foi demonstrado na Copa América 2019, o Brasil não deverá ter dificuldades para ficar entre os quatro melhores e assegurar vaga na Copa. Argentina e Uruguai também estão acima das demais. Agora, a quarta vaga direta e a vaga da repescagem estão abertas. Mesmo sem ser brilhante, o Peru seria a quarta força hoje e Colômbia e Chile disputariam a vaga na repescagem. A Venezuela evoluiu e pode brigar. Paraguai, Equador e a Bolívia mostraram muito pouco até aqui e precisam melhorar muito se quiserem sonhar com o Mundial.

Como haverá nova Copa América no meio do ano, as Eliminatórias serão retomadas em setembro com Brasil x Venezuela em casa e depois uma visita brasileira ao Uruguai. Em outubro, Brasil vai viajar para a Colômbia e depois recebe a Argentina. Já em novembro, o time de Tite recebe o Equador e depois vai até o Paraguai. Em março de 2021 visita o Chile. Depois, ainda em março, abre o returno e assim por diante. O Brasil nunca ficou de fora de uma Copa e, por aquilo que se viu e se vê, mesmo sem empolgar nem encantar, não dá para imaginar o Brasil fora do Mundial do Catar. Mais até pela fragilidade dos oponentes do que mérito nosso.

E é hora do Neymar ser mais solidário, tocar mais a bola, jogar para o time e tentar ser o protagonista que se espera. Afinal, Neymar vai completar 28 anos em fevereiro. A Copa do Catar é “a” Copa dele. Se não for, em 2026 ele terá 34 e dificilmente estará em condições de ser o líder técnico que se espera dele com a camisa amarelinha.

Deixe uma resposta